Assembleias reforçam luta contra as reformas

Compartilhe

O Sindicato continua realizando assembléias com os trabalhadores nas empresas da nossa base. Desta vez, os dirigentes estiveram conversando com os companheiros da Cimapi. O objetivo, por meio desta e de outras assembleias, reuniões e plenárias realizadas nos últimos dias, é conscientizar a categoria sobre a importância de barrar as reformas trabalhista e previdenciária impostas pelo governo ilegítimo de Michel Temer e que, caso aprovadas, vão tirar ou flexibilizar diversos direitos da classe trabalhadora.

Durante a assembleia, os diretores do Sindicato lembraram da terceirização sem limites, recentemente aprovada pela base de sustentação do governo, sem considerar os argumentos do movimento sindical. “Muitos trabalhadores – inclusive chefias – já estão sendo demitidos e recontratados como MEI – Micro Empreendedor Individual. Serão os primeiros a ficar sem direitos importantes como 13º salário e férias, garantidos pela CLT”.

Outro ponto destacado foi que a CLT não é nem nunca foi motivo de desemprego. Estamos diante do maior crime contra a classe trabalhadora depois da escravidão. “Todos seremos prejudicados, inclusive os aposentados, que poderão receber menos que um salário mínimo… terão uma velhice miserável”.

Na assembleia, foi distribuído o boletim especial elaborado pelo Sindicato mostrando os prejuízos que as reformas podem impor aos trabalhadores.


Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *